MULTICAM – Câmara Multiespectral de baixo custo

Objetivo principal:

O projeto visa desenvolver uma nova câmara multiespectral de baixo custo que possa ser deixada no campo, em veículos, barcos ou outras instalações, enviando imagens regularmente para um utilizador. O objetivo principal é  avaliar qualitativamente o estado de frescura de frutas, legumes, pescado e outros produtos perecíveis em diversos pontos da cadeia de distribuição, a deteção precoce de doenças, classificação das especies de pescado e análise do grau de maturação das uvas.

Descrição:

Designação do projeto:
MULTICAM – Câmara Multiespectral de Baixo Custo
Código do Projeto: S17/SI/2019
Região de intervenção: Norte (14,62%) e Centro (85,38%)
Entidades beneficiárias: Xsealence – Sea Technologies, S.A., INOV – Inesc Inovação, UTAD – Universidade de Trás os Montes e Alto Douro, TECMIC, Tecnologias de Microeletrónica, SA.

Período:

Data de início: 01-09-2020
Data de conclusão: 28-02-2023
Nº de meses: 30

Financiamento:

lnvestimento Total:
135.964,73 €
Investimento Tecmic elegível:
135.027,23 €
Incentivo:
102.231,60 €
Cofinanciamento - logotipos

Objetivos, atividades e resultados esperados:

A câmara multiespectral a desenvolver no âmbito do projeto será formada por uma matriz de câmaras cada uma com um filtro ótico transparente a um determinado comprimento de onda da luz. Esta câmaras serão comandadas por um controlador que será desenvolvido especificamente para esta tarefa no presente projeto. O objetivo é conseguir um custo 10 a 20 vezes inferior ao de soluções equivalentes existentes no mercado. A razão para ser possível uma tão grande descida dos preços tem a ver com o facto da câmara multiespectral Multicam ser voltada para a aquisição de fotografias, pelo que a sincronização em tempo real do vídeo das várias câmaras deixa de ser um problema.
A dificuldade técnica associada à sincronização, que era um fator de aumento do custo de construção de uma câmera multiespectral, será eliminada neste projeto.

Irá ser desenvolvidas várias utilizações da tecnologia multiespectral:

1) Sistema de identificação automática de pescado em embarcações de pesca.

A identificação de pescado será feita recolhendo dados de imagem em comprimentos de onda igualmente espaçados.

2) Medição não destrutiva de açúcares na uva.

A medição será realizada recorrendo ao uso de algoritmos de inteligência artificial e aprendizagem automática.

3) Por fim iremos ligar a nossa câmara multiespectral à plataforma XTraN de gestão de frotas de transporte de mercadorias e ao equipamento Monicap de monitorização de barcos utilizado no sector das pescas, para deteção e monitorização dos produtos transportados.

Site do Projeto: multicam.pt

Outros projetos

© 2021, TECMIC, SA.